Blog de Tradução

Pós-Verdade: palavra do ano eleita pelo Dicionário Oxford
07 dezembro 2016

Pós-Verdade: palavra do ano eleita pelo Dicionário Oxford

Anualmente, o Dicionário Oxford elege um termo para ser a palavra do respectivo ano.

Em 2013, a eleita foi selfie (veja aqui a tradução do termo) e, em 2014, o termo escolhido foi vape (veja aqui sua tradução). Mas a mais curiosa foi a de 2015, já que a palavra do ano não foi, exatamente, uma palavra, mas um emoji, como postamos aqui.

Seguindo a tradição, o Dicionário Oxford já divulgou a palavra de 2016: pós-verdade, termo que esteve presente em diversos textos jornalísticos referentes ao atual cenário político mundial, como nas notícias sobre a vitória de Trump nas eleições americanas ou sobre o referendo britânico pela saída da União Europeia.

Significado de pós-verdade

Mas, afinal, qual é o seu significado? A definição dada pelo próprio Dicionário Oxford diz que pós-verdade é um termo que se refere a circunstâncias em que os fatos objetivos são menos influentes na formação da opinião pública do que apelos à emoção e à crença pessoal.

De acordo com uma matéria do Mundialíssimo, blog da Folha de São Paulo, “A ‘política de pós-verdade’ seria, assim, uma política marcada pela irrelevância da verdade, soterrada pela emoção. Como no referendo britânico ou na eleição americana”. Ainda nessa matéria, há um dado de que, em 2016, houve um aumento de 2.000% no uso do termo.

Ou seja, podemos concluir que pós-verdade é a prova de que a máxima “contra fatos não há argumentos” não é irrefutável, uma vez que crenças ou questões emocionais podem se sobressair, tendo forte influência em um momento de decisão.

Adulting, Brexiteer, Coulrophobia e Latinx foram algumas das palavras que concorreram com pós-verdade. Semanalmente, postaremos a tradução de cada uma delas em nossa área “termos novos em destaque na mídia”. Acompanhe!