Tel.: +55 11 3078-4404 | E-mail: [email protected]

Outras dúvidas? FAQs

É comum haver diversas dúvidas sobre a tradução juramentada. Por esse motivo, a Korn Traduções respondeu às 10 perguntas mais frequentes. Veja abaixo:

1 - Qual a diferença entre tradução e versão?

Utilizamos o termo “tradução” para designar a transformação de um texto redigido em idioma estrangeiro para o idioma português, enquanto que o termo “versão” refere-se à conversão de um texto redigido em português para outro idioma, ou seja:

  • Tradução – do idioma estrangeiro para o português
  • Versão – do português para o idioma estrangeiro

2 - Qual a diferença entre tradução livre e tradução juramentada?

A tradução livre, também conhecida como tradução simples, é utilizada para fins não oficiais. Já a tradução juramentada é um documento oficial, preparado, assinado e carimbado por um tradutor devidamente nomeado e habilitado pela Junta Comercial do estado onde tenha ofício. A lei exige tradução juramentada para todos os documentos em idioma estrangeiro a serem apresentados em juízo, repartições públicas e outros órgãos.

3 - A tradução juramentada é válida em todo o território nacional?

Sim, a tradução juramentada tem validade em todo o território nacional.

4 - Para obtenção de uma tradução juramentada é necessário apresentar o documento original?

A tradução juramentada deve sempre estar acompanhada do documento original, ou de uma cópia autenticada desse documento, o qual será carimbado e rubricado pelo tradutor juramentado. É possível a elaboração da tradução juramentada de uma cópia simples de um documento, porém essa informação deve constar na tradução.

5 - O que é uma lauda?

O valor da tradução juramentada é calculado pelo seu número de laudas,  uma lauda correspondendo a 1.000 caracteres sem espaços em contagem eletrônica.

6 - Os preços para tradução de documentos pessoais são diferentes dos demais?

Sim, consulte a lista dos documentos no site da JUCESP, ou no link a seguir: http://www.institucional.jucesp.sp.gov.br/downloads/Deliberacao_042015.pdf 

7 - Posso retirar os fitilhos ou selos dos documentos originais para digitalizar?

Não, os selos e fitilhos dos documentos originais não devem ser violados. Temos uma equipe especializada e tecnologia avançada para digitalização e diagramação de documentos oficiais.

8 - Qual o prazo de conclusão para uma tradução?

Os prazos variam conforme o volume, a especificidade, a qualidade da impressão dos documentos ou arquivos recebidos. Para saber quanto tempo levaríamos para traduzir seu documento, por favor, entre em contato para obter um orçamento.

9 - Caso seja necessária uma segunda via de uma tradução juramentada, como devo proceder?

Para emissão de uma certidão (segunda via), precisamos de algumas identificações do documento como, por exemplo, número da tradução e número do livro, informações essas que constam na parte superior da folha timbrada do tradutor juramentado. Os valores cobrados por essas certidões também seguem a tabela da Junta Comercial de cada estado.

10 - Existe tradução juramentada de português de Portugal para português do Brasil (e vice-versa)?

A Jucesp, Junta Comercial do Estado de São Paulo, que regulamenta o ofício do tradutor juramentado, reconhece o português falado no Brasil, em Portugal e nos demais países como um único idioma, não havendo diferença entre português do Brasil e português de Portugal. Como uma tradução juramentada somente pode ser realizada por um tradutor juramentado, que deve ser habilitado em um ou mais idiomas estrangeiros, não é possível encontrar um tradutor habilitado em português de Portugal e português do Brasil, já que, oficialmente, esse idioma é o mesmo, não sendo considerado idioma estrangeiro. Sendo assim, não existe essa tradução juramentada. O que a Korn Traduções oferece aos seus clientes, quando essa demanda chega até nós, é a adequação e revisão do texto para o português do Brasil. No entanto, o serviço de revisão é entregue em Word (.doc), não constando o carimbo do tradutor juramentado, nem tendo validade como documento oficial.

Saiba mais em nosso artigo “Tradução de português para…português?!”.

Também é possível saber mais sobre tradução juramentada acessando a página desse serviço ou lendo nosso artigo “Tradução Juramentada – por que utilizá-la”.

11 - O que é a Apostila de Haia?

A Apostila é um certificado, formalizado por um selo ou carimbo, afixado em um documento a fim de atestar sua origem para que ele tenha validade nos países que fazem parte da Convenção de Haia. É por meio dela que os documentos brasileiros no exterior e documentos estrangeiros no Brasil têm reconhecimento mútuo.

12 - O apostilamento deve ser feito antes ou após a tradução juramentada?

O apostilamento pode ser feito antes ou após a tradução, mas em geral é feito depois para otimizar as visitas ao cartório.

13 - Se a apostila já possui o idioma para o qual eu vou traduzir, eu preciso ainda incluir na tradução juramentada?

Sim, é necessário incluir a numeração da apostila bem como o restante do texto constante neste documento.

 

E se a sua dúvida não tiver sido resolvida, não hesite em entrar em contato conosco. Será um prazer ajudá-lo!

Precisando de serviços de tradução?

Solicite um orçamento