Blog de Tradução

Grego fala mais de 30 idiomas - Por Korn Traduções
22 maio 2018

Grego que fala mais de 30 idiomas diz que “O segredo é se apaixonar pela cultura do país”

Idiomas e culturas estão completamente interligados. Por isso que um mesmo idioma muda significativamente de acordo com o país em que é falado – é o caso do inglês nos EUA e do inglês na Inglaterra; ou do português no Brasil e do português em Portugal.

Assim, ao decidir aprender um idioma, torna-se fundamental conhecer a cultura – ou as culturas – dos locais em que ele é falado.

É o caso do grego Ιoannis Ikonomou. Ele tem 53 anos e fala mais de 30 idiomas. Quando questionado sobre o segredo de conseguir aprender tantas línguas, a resposta foi, justamente, se apaixonar pela cultura do país.

O interesse em conhecer culturas e idiomas surgiu quando ainda era pequeno e costumava passar férias na ilha de Creta: “Quando tinha três, quatro, cinco anos eu escutava com muita curiosidade os turistas em Creta. Para mim, eles falavam apenas sons sem nenhum sentido. Aos seis, sete anos, eu comecei estudando inglês, como todo menino na Grécia. De repente, aconteceu uma maravilha na minha vida: eu comecei a entender que os sons tinham sentido”.

Pouco tempo depois, o desafio evoluiu e, além do inglês, começou a estudar alemão. A dificuldade foi maior, pois, com o inglês, ele tinha ajuda dos pais, que também falavam o idioma. Não era o caso do alemão.

Talvez uma das maiores motivações de Ioannis tenha sido ouvir os turistas da Ilha de Creta conversando em seus respectivos idiomas e conseguir entender o que era falado entre eles. Com isso, o fascínio pelo aprendizado de idiomas foi crescendo e, aos 9 anos, começou a estudar italiano. Ele diz que “mesmo sem ter professor, eu comprei uma gramática. Durante as férias, ao invés de ir brincar com os outros meninos, eu ficava na nossa casa de férias, perto de Atenas, estudando italiano”.

De acordo com ele, outro fator que também contou muito para o aprendizado de tantos idiomas “foi a confirmação de que as línguas abrem caminhos para o entendimento entre seres humanos tão diferentes, é uma ponte entre civilizações, culturas, países. Senti que não podia parar e queria aprender mais e mais”.

Os próximos idiomas foram, respectivamente, russo e turco. Hoje, ele fala grego – sua língua materna -, inglês, alemão, italiano, russo, turco, português, francês, árabe, hindi e urdu, hebraico, búlgaro, espanhol, holandês, norueguês, sérvio e croata, finlandês, polonês, sueco, persa, curdo, islandês, romeno, húngaro, tcheco, eslovaco, esloveno, macedônio, amárico (idioma oficial da Etiópia), japonês, lituano e mandarim.

Idiomas e traduções fazem parte da vida profissional do Grego

Profissionalmente, não poderia ser diferente – o grego estudou linguística em Tessalônica (na Grécia). Depois, foi para os Estados Unidos, onde fez mestrado em sânscrito e estudou linguística indo-europeia comparativa, e, na Áustria, expandiu seus estudos para línguas mortas – egípcio antigo, persa antigo, árabe clássico, latim, entre diversas outras.

E, como um bom especialista em línguas e sendo fluente em diversos idiomas, Ioannis trabalha com traduções, sendo tradutor profissional da Comissão Europeia. O foco dele são as traduções para o inglês e para o grego.

Por fim, Ioannis reforça a necessidade de se aprofundar na cultura para entender e aprender as línguas: “A novela que eu assisto na televisão não me ajuda só com a gramática, com o vocabulário, me ajuda a mergulhar na cultura deles. Para aprender, você tem que escutar a música, comer a comida do país. Só aprender os verbos irregulares vai ser coisa chata, você vai desistir. Se você se apaixona pela cultura você vai progredir e não vai desistir tão facilmente”.

A Korn Traduções entende o fascínio do grego pelas línguas e, mais ainda, o que o aprendizado de idiomas significa: aproximar-se de culturas, de histórias e de pessoas.

É por isso que consideramos que estudar, viajar e se manter em contato com as línguas das mais variadas formas são imprescindíveis para os tradutores profissionais – sabemos que é só assim, com muito conhecimento e proximidade do objeto de estudo, que boas traduções serão realizadas. E, caso você precise de serviços de traduções juramentadas ou traduções livres, conte conosco: a sua empresa de tradução.